blog do Roberto Leite

Assuntos de interesses multiplos e atuais.

Feliz aniversário-PAC

Feliz aniversário-PAC

pt-burro.jpg

O PAC está fazendo um ano.comendo-mel.jpg

Foi lançado com todo o estardalhaço, tendo como protagonistas principais, o Ministro da Mentira o Guido Mantega e a Ministra da Verdade Dilma Rousseff.

O Mantega, falou sobre números e mais números e de acordo com as suas explicações incompreensíveis, não teria como errar, o PAC era tiro certo e o Brasil seria em um futuro muito próximo a futura potência econômica do mundo.

A Dilma, como sempre dona da verdade, deu uma aula com o seu “Data Show”, mas estava pouco preparada e disparou numa gagueira sem fim, voltando atrás e refazendo suas afirmações, deixando transparente que nem ela estava totalmente convencida da possibilidade que o PAC fosse germinar.

E não germinou.

Em total irresponsabilidade, o PAC estava ancorado em uma possibilidade irreversível da aprovação da CPMF.ferias-no-centrooeste.jpg

E em outra demonstração de irresponsabilidade do governo, também todo o orçamento para 2008, estava ancorado na aprovação da CPMF por mais cinco anos.

Como a aprovação da CPMF não aconteceu, e realmente não deveria ter acontecido, pois era um imposto injusto que retirava da economia 40 bilhões de reais e colocava este dinheiro nas mãos do governo que desperdiça e gasta muito mal, todo o orçamento foi para o espaço e o PAC morreu.

Eu não sou nem um pouco fatalista, pelo contrário sou sonhador por natureza e o meu otimismo sempre foi até criticado por outros colegas dizendo que eu era trouxa de acreditar tanto no Brasil e outras coisas.diarias.jpg

Mas no caso do PAC, não foi preciso me criticar, pois estava óbvio e patente que era apenas outra maneira deste governo tentar enganar o povo para aprovar a CPMF.

Escrevi vários artigos sobre este assunto e publiquei opiniões diversas, de pessoas entendidas e realistas sobre as possibilidades do PAC.

Nos links abaixo, estão alguns dos artigos sobre o PAC, que publiquei durante todo o ano passado.

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=114o-depoimento.jpg

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=112

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=127

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=125

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=123

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=121

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=119

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=116

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=115

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=136oitiva.jpg

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=156

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=149

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=169

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=205

http://robertoleite.assisfonseca.com.br/?p=204

 

São muitas as indicações de que o PAC era mais uma enganação deste governo incompetente, mentiroso, desonesto e corrupto.

E para finalizar esta comemoração de aniversário, temos o nosso presidente (digo “nosso” por força de expressão, pois meu ele não é), querendo colocar a responsabilidade por uma eventual crise econômica no governo dos Estados Unidos, incluindo um provável apagão que se acontecer será por falta da presença do governo nas áreas estratégicas da economia.pedindo-esmola.jpg

Não houve investimentos por parte do governo em nenhuma área de infra-estrutura.

Os investimentos foram concentrados na área que o governo denomina social, mas que de social somente tem o nome, pois o principal programa social do governo é o “Bolsa Esmola”, que tira a dignidade das pessoas contempladas e promove uma estrutura de corrupção da parte dos encarregados da implementação deste programa.

E o PAC, que nasceu sem ter nascido, fruto de uma enganação, fez aniversário sem comemoração por parte de seus pais ou responsáveis, e vai morrer como nasceu, sem ter morrido, não será velado e nem sepultado.

Foi tudo faz-de-conta.

Exatamente como o governo do Lula.acabou-o-doce.jpg

 

A gastança é real.diarias.jpgo-cartao.jpg

O nosso dinheiro é festa!!!!

 

O Artigo abaixo, surrupiado do Blog Prosa e Política (http://pep-home.blogspot.com/) não é sobre o PAC, mas um retrato da situação política atual.

O governo Lula, é quase totalmente responsável por esta situação, pois apesar da situação da política nacional ter sempre sido corrupta, neste governo, o recorde não foi apenas batido, mas estraçalhado de tal maneira, que os parâmetros atualmente não existem entre; errado e correto, punição e impunidade, política e conchavo, verdade e mentira.

A Falência da Política

As aventuras de Lobão e Lobinho ilustram bem as fragilidades do sistema político brasileiro. Aliás, fragilidade é uma palavra fraca. O sistema político brasileiro faliu.
O presidente da República (qualquer um) é eterno refém de um modelo de relacionamento com a classe política, que funciona à base da negociação de varejo.
Pode ser com mensalão ou simplesmente a partir da tradicional “cesta básica” do clientelismo e do fisiologismo: nomeações, empregos, liberação de emendas.
dia-de-posse.jpg
O fato é que este modelo gera uma Presidência que oscila entre a extrema arrogância e auto-suficiência e a extrema submissão. E nenhuma accountability, isto é, nada de prestar contas ao distinto público (os eleitores).
O modelo gera também uma classe política viciada na pequena e na grande mordomia, na pequena e na grande corrupção. E nenhuma accountability, isto é, nada de prestar contas ao distinto público (os eleitores).
Atualmente, como o presidente escolheu José Sarney como seu “cupido”, com o objetivo de pacificar suas relações com os senadores, lá se vai Edison Lobão para o ministério das Minas e Energia, sem conhecer rigorosamente nada do assunto.
Enquanto isso, as estatais distribuidoras de energia administradas pela Eletrobrás causaram R$ 3 bilhões de prejuízo ao país em 2007, muito em razão das dificuldades do presidente Lula para nomear logo as diretorias.
Várias estatais estão acéfalas desde a saída de Silas Rondeau do Ministério das Minas e Energia, isto é, desde maio de 2007.
Resultado: apagão gerencial, justo num setor que passa por um momento tão delicado.
No Senado, também brilham as fragilidades do sistema aparecem, na posse do suplente de Lobão, seja ele Lobinho ou o segundo suplente. Mais um senador sem voto vem se juntar a vários outros.
O suplente de senador sempre foi um problema, desde a promulgação da Constituição de 88, mas ficou particularmente agudo com o escândalo que envolveu Renan Calheiros.
Em geral, senadores escolhem para suplente o pai, outros escolhem o filho. Aí seria apenas compadrio, clientelismo.
A coisa fica mais séria quando alguns escolhem como suplente o “Espírito Santo”: um empresário, que financia a campanha do titular. Depois o titular se licencia, e o suplente assume, para aprovar ou barrar projetos de seu interesse.
No caso de Lobinho (o talvez ex-futuro senador Edison Lobão Filho), há ainda outra aberração.
Bombardeado por denúncias de uso de laranjas em vários negócios (mais um, meu Deus!), Lobinho pode nem ir ao Conselho de Ética, beneficiado por um entendimento defendido por vários senadores, mas principalmente pelo senador petista Aloísio Mercadante.
Malfeitorias cometidas antes de assumir o mandato não são objeto de processo no Conselho de Ética.
Com isso, Eduardo Azeredo conseguiu escapar a duas representações, ambas se referindo a sua participação no valerioduto mineiro. Mais recentemente, Gim Argello também escapou, no caso das bezerras de ouro que levaram Joaquim Roriz a renunciar à sua cadeira no Senado.
Argello, suplente de Roriz, assumiu tranqüilamente o mandato.
Nada indica que no caso de Lobinho vá ser diferente.
Atualização das 17:51 – Lobão tomou posse há pouco do cargo de ministro das Minas e Energia. Não discursou. Lula falou qualquer coisa – nada de relevante. Foi aplaudido por Dilma Rousseff, ministra Chefe da Casa Civil, e mais seis senadores de um total de 19 senadores do PMDB.
O senador José Sarney (PMDB-AP), que indicou Lobão para o cargo, não compareceu. Está ocupado no Maranhão. Lobinho, o filho enrolado do novo ministro, foi aconselhado pela família a ficar longe da posse. Está nos Estados Unidos.
O PMDB ganhará mais um senador caso Lobinho, filiado ao DEM, não assuma a vaga do pai. É suplente dele. O segundo suplente é do PMDB.

Por Lucia Hippolito

 

 

mudanca-de-vida.jpg

22 jan 2008 - Posted by | ÉTICA, GOVERNO, PAC, POLÍTICA

1 Comentário »

  1. Na minha cidade o PAC é uma realidade. Aqui está sendo investido 15 milhões na estenção de rede de esgoto o que representará uma cidade com muito mais qualidade de vida. Diziam isso também com relação a duplicação da BR 101 que liga rio grande do sul a São Paulo só que se enganaram redondamente.

    Comentário por Pedro Dornelles | 08 set 2009 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: